domingo, 8 de setembro de 2013

Sobre meu retorno, progresso e intakes

Oi, gurias
Fico muito satisfeita cada vez que entro aqui e leio o apoio de vocês. É muito difícil passar por tudo isso sozinha. Cada vez que me peso e vejo que perdi peso, tenho um orgulho imenso de mim por comer tão pouco, e fico tão feliz que quero contar a todo mundo. Claro que nunca contaria a ninguém. Não quero que pensem coisas como "como ela tem transtorno alimentar se ela é gorda?" ou, pior ainda, tentem me fazer comer direito. Por isso é tão bom ter vocês aqui, posso falar sobre toda minha luta sem ser julgada (e, muitas vezes, sou parabenizada, o que não tem preço). Enfim, obrigada por todo o apoio <3

Esqueci de comentar no último post que adicionei fotos atuais à pagina "Progresso", pois já emagrei seis quilos desde o início do blog e a diferença já é aparente.

Sobre minha alimentação:
Ainda estou seguindo a dieta Dukan. Estou na segunda fase da dieta, que deve durar até que eu tenha perdido todo o peso desejado e onde só é permitido comer proteínas, podendo verduras e legumes, dia sim, dia não. Não acho que a dieta esteja exatamente funcionando, pra quem não sabe, o propósito dela é acostumar teu corpo buscar energia nos lipídios acumulados, já que não ingerimos carboidratos e açúcares (de onde obtemos energia normalmente). Acho uma ideia ótima, mas não vi resultado na balança enquanto ingeria uma quantidade "normal" de calorias por dia (800 - 1200). Por isso reduzi a ingestão calórica dentro dos alimentos permitidos.
Então, desde segunda-feira, tenho comido cerca de 500 kcal com um limite máximo (ainda não atingido) de 600 kcal. Não tenho passado fome, afinal, as proteínas demoram muito pra ser digeridas, isso prolonga a saciedade. Mas é terrível o desejo de comer um alimento proibido. Até mesmo porque sei que dá pra perder peso comendo só porcarias gostosas, desde que eu coma no máximo 400 kcal por dia. Mas tenho feito de tudo pra me conter, e tem dado certo.
Fiz uma lista de coisas que quero comer quando puder, e cada vez que sinto vontade de alguma coisa proibida escrevo na lista, que agora está assim:
 - KitKat
 - Ioio Cream
 - Biscoito recheado
 - Torta de bolacha
 - Batata frita
 - Pizza de massa de pão de queijo
 - Sorvete de chocolate branco com amoras
 - Empadinha de frango com requeijão
 - Barras de cereal gostosas (tipo sabor brownie)
Quanta gordice, não? Estou tendo pensamentos conflitantes sobre "comer isso quando eu atingir minha meta" e "não devo me premiar com comida, não sou um cachorro". Mas minha alma gorda diz que o primeiro vai prevalecer.
Desculpem o post longo, mas espero que vocês leiam :3

3 comentários:

  1. Oi, no último post tu perguntou se eu tinha blog e por enquanto não, pois tenho medo de que alguém descubra e tal, sobre essa dieta de proteínas eu to fazendo a mesma coisa (Só que da USP mesmo), por 1 mês, basicamente o mesmo que você, e putz, Kit Kat é viciante, parece que colocam crack nele, vou ficar de dieta até o aniversário da minha prima aí eu dou relaxada e volto :)
    Força!

    ResponderExcluir
  2. Estou tão feliz por você!
    Eu penso exatamente como você, ninguém alem de você precisam saber do que faço para emagrecer...

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Francesca!
    Você realmente merece os parabéns! Eu vi as fotos e a diferença é óbvia :)
    Realmente manter o blog nos ajuda bastante, não é? Nós aqui nos entendemos e respeitamos, diferente das pessoas por aí :/
    Ah, e quando estamos de dieta restringindo certos alimentos, é inevitável esse desejo exatamente por aquilo que não podemos comer, o que importa é que você esteja resistindo super bem.
    Obrigada pelo seu comentário no blog, é sempre tão motivador ler suas palavras :)
    Continue assim, beijinhos!

    ResponderExcluir